Guabi Natural

Benefícios que os pets trazem para a nossa qualidade de vida

Bem-estar - Dicas < 23 de julho de 2020

Ter um animal de estimação é uma coisa maravilhosa. Digo isso por experiência própria. Meus bichos são como meu oxigênio. Chegar em casa e ser recebido por eles, é como dar uma oxigenada, uma revigorada nas minhas energias. É um dos melhores remédios, junto com a atividade física, para aliviar o meu estresse, o meu cansaço, o meu desanimo depois de um dia mais difícil. Mas, por enquanto estou falando apenas das minhas sensações.

 

 

Mas, quem me conhece sabe bem que eu gosto de números, estatísticas e pesquisas científicas. E para comprovar o meu sentimento existem algumas bem interessantes. Ter um pet vai além da sensação, que já é espetacular. E cientificamente comprovado ser benéfico à saúde.

E quando eu falo como eles me ajudam quando eu chego em casa estressado, um estudo que a Universidade de Nova Iorque fez, concluiu que os níveis de estresse dos donos de pet melhoravam quando eles estavam em companhia dos animais. Até mais do que quando estavam com os seus parceiros. Namorados e namoradas, maridos e esposas, todos perderam na concorrência para os animais de estimação! Eles são muito mais desintoxicantes que os seres humanos. Mas, isso eu já sabia! Vamos adiante…

Existe uma situação bastante delicada, que é a depressão. A boa notícia é que algumas pesquisas já demonstraram que ter um animal de estimação ajuda muito a melhorar esse quadro. A presença do pet dá um conforto e reduz a solidão, a ansiedade e a tristeza profunda. E isso acontece por conta de hormônios secretados a partir dessa sensação de aconchego que o animalzinho proporciona. Aumentam a secreção de ocitocina, serotonina e prolactina, todos ligados à regulação do humor e bem-estar.

E esse conforto no coração, não apenas ajuda na questão emocional, mas ajuda a melhorar a saúde do coração como músculo, como órgão que precisa funcionar bem para nos manter vivos e saudáveis. O fato de ter que sair para caminhar com os pets, aumenta o nível de movimento físico de seus donos. Pode parecer pouco, às vezes é uma volta no quarteirão, mas já faz uma grande diferença. E depois que o dono já saiu pra passear, acaba fazendo um passeio mais longo, se arriscando a correr com o cão, brincar, e esse movimento físico já é o suficiente para melhorar a pressão arterial e saúde cardiovascular, de acordo com um artigo publicado no British Journal of Health, que compila estudos realizados desde a década de 1960.

Bem, eu já não preciso de mais argumentos! Meus cães são meu retiro espiritual. E eu recomendo. Se você gosta, se você tem paciência, se você quer conhecer um amor diferente, ter um pet é o jeito garantido.

————————————

Autor:

Marcio Atalla
Professor de educação física, com especialização em treinamento de alto rendimento, com pós-graduação em nutrição pela USP. Colunista na rádio CBN com o Bem-estar em Movimento e apresentador do quadro Bem-Estar do programa da Fátima Bernardes, na Rede Globo.
Petlover assumido e embaixador de Guabi Natural.



cães, cão, qualidade de vida, saúde, vida longa e saudável, vida saudável