Bolas de pelos em Gatos: Como a alimentação auxilia na prevenção?

Gatos são animais com hábitos peculiares e marcantes, características muito fáceis de serem associadas a eles por quem conhece a espécie. Entre essas características, podemos citar sua personalidade que ama explorar o ambiente em que vive, seu hábito noturno, o uso instintivo da caixa sanitária para as necessidades e, principalmente, sua auto-higienização. 

Por serem animais muito limpos, realizam sua higiene sozinhos e diversas vezes ao dia, sendo esse hábito bastante característico da espécie. Porém, durante esse processo, inevitavelmente há a ingestão dos pelos que estão soltos.

Se esses pelos ingeridos não forem  eliminados de forma natural, se acumulados no organismo, podem se emaranhar e formar as chamadas bolas de pelos, um problema muito comum em gatos. Apesar de parecerem simples, quando formadas, essas bolas nem sempre podem ser eliminadas, o que pode causar graves problemas, entre eles, as obstruções intestinais. Por isso, a prevenção é a melhor forma de garantir a saúde do seu gato. 

Sabemos que quanto mais sedentário o gato é, mais tempo ele passa se higienizando e, consequentemente, mais pelos ele ingere. Ao contrário do que muitos pensam, esse problema pode ocorrer em gatos de pelagem de qualquer tamanho, sendo mais comum em animais com a pelagem longa. Para isso, alguns cuidados básicos como escovação diária e uma alimentação balanceada ajudam a diminuir o problema.

 Mas como será que a alimentação pode auxiliar na prevenção?

Que uma alimentação balanceada traz inúmeros benefícios para a saúde e longevidade dos pets, todos já sabem, mas existem alguns ingredientes que podem ajudar mais especificamente nesse ponto, como algumas fontes de fibras do alimento. A inclusão de um mix de fibras, por meio da combinação de suas funções e características, associada com a correta ingestão de água, contribui tanto para o trânsito intestinal regular quanto para promover uma ação mecânica, carregando com elas os alimentos digeridos e os pelos que estão ao longo do trato digestório.

Por isso, o uso de fibras, como a fibra de cana-de-açúcar, é fundamental para auxiliar na eliminação desses pelos do trato digestório pelas fezes, reduzindo os episódios de regurgitação e o desconforto por eles causados. Outras fibras, como a polpa de beterraba e a semente de Psyllium, completam o mix de fibras que contribui positivamente para a saúde intestinal e eliminação dos pelos. 

Guabi Natural Gatos é feito com carnes selecionadas e ingredientes de alta qualidade, apresentando um balanço de ingredientes específicos para os gatos e suas necessidades. Sem corantes e aromas artificiais, além de ser conservado naturalmente, conta também com um mix de fibras que inclui cereais integrais, vegetais e frutas, além de polpa de beterraba, semente de Psyllium e fibra de cana-de-açúcar, auxiliando tanto na eliminação dos pelos quanto na saúde intestinal do seu gato.

Não perca tempo, confira outros conteúdos sobre alimentação, bem-estar e dicas em nosso blog e redes sociais

Relacionados

Minha gata simplesmente amou

Sem transgênicos, corantes e conservantes artificiais, ainda cuida do trato urinário. Minha gata simplesmente amou, ela prefere a ração do que sachês. por Lúcia